JÁ OUVIU OU VIU ISTO NALGUM NOTICIÁRIO?

Mais de 6.000 sacerdotes e religiosas católicos ficaram na Ucrânia para dar abrigo, comida, curar feridos, sustentar espiritualmente e administrar sacramentos.
Algumas pessoas foram confessar-se pela primeira vez, para estarem preparadas para a morte. Chegam ao ponto de se quererem confessar pelo telefone; mas não é coisa que o padre o possa fazer.
Alguém foi batizar-se antes de ir para a guerra e fez, nesse dia, a sua primeira comunhão.
Milhares de pessoas foram refugiar-se nos terrenos dos seminários de duas cidades e a Igreja acolhe-as, alimenta-as, dá-lhes apoio espiritual e lugar para dormir e para se lavarem.
Um projéctil atingiu a residência do bispo de Kharkiv, mas ninguém se feriu; lá continuam a preparar refeições para levar para duas estações de metro próximas.
Na diocese de Kiev, capital, os supermercados estão vazios; falta pão e água. O bispo auxiliar é responsável por enviar o necessário e até ele próprio ajuda a carregar os veículos nos quais são distribuídos.
Um seminário acolhe cerca de 160 mulheres e crianças e duas escolas católicas tornaram-se dormitórios. Os seminaristas e voluntários atendem.
Mais de mil conventos e casas religiosas (924 na Polônia e 98 na Ucrânia) ajudam refugiados e deslocados pela guerra.
Você não viu nada disto anunciado, porque estas notícias não são dadas nos meios de comunicação.
Social:
Pin Share

Social:

Publicado por

António da Cunha Duarte Justo

Actividades jornalísticas em foque: análise social, ética, política e religiosa

23 comentários em “JÁ OUVIU OU VIU ISTO NALGUM NOTICIÁRIO?”

  1. Amigo Justo, leio sempre atentamente todas as suas publicacoes aqui apresentadas. Fiquei mais documentada e informada do que se esta passando entre a Ucranio e a Russia, e nao so. Grata por tudo o que tenho aprendido. Um grande abraco Milu

  2. Milu, muito gradecido! Realmente, faz bem ouvir o que diz! Se não fossem as informações que possuo no acompanhamento da tragédia ucraniana desde 2014 desesperaria ao perceber que em público só há uma opinião aceite e que no meu entender é a opinião daqueles que não querem o bem-estar do povo e só querem que se siga a guerra! E isso numa Europa com reminiscências cristãs! Deu-me imensa alegria ao ver que a nível de elites o Papa tenha uma opinião diferenciada não se alinhando ao militarismo da NATO nem do seu adversário. Estou muito desiludido com a maneira que as elites manipulam toda a informação, o que é natural visto da sua prespectiva mas visto da perspectiva do povo é catástrófico. Agora fiquei a perceber como o povo seguia Hitler tão entusiasticamente; este conseguiu ter nas mãos o controlo da informação!

  3. Paulino Balão Fernandes e agora que embaixadora da Ucrânia tem abusado dos seus interesses nacionalistas contra os próprios cidadãos de origem russa dentro e fora do país até o PCP é metido na baila numa questão que deveria ser tema não partidário! A embaixadora está a discriminar e difamar associações do próprio país e a sociedade não se dá conta e em vez de chamar a atenção do embaixador ucraniano desvia as atenções para os comunistas. Pertenço ao meridiano bastante oposto à ideologia comunista mas como pessoa com cabeça ainda a funcionar ainda penso que sou capaz de discernir e reconhecer valor também no valor que os adversários têm.

  4. Nos media ocidentais apenas passa a propanganda de guerra, conforme os manuais de guerra psicológica dos States.

  5. Fátima Diogo, é vergonhoso o que tem acontecido; isto independentemente de quem é pela Rússia ou pelos USA. Anda tudo a iludir o povo como se esta guerra fosse apenas entre a Rússia e a Ucrânia quando ela já tinh começado em 2014 na guerra civil ucraniana. A peia que colocaram ao povo ocidental foi tê-lo convencido que a guerra só começou com o grande erro cometido por Putim ao iniciar uma guerra oficial com a Ucrânia no 24 de Fevereiro; deste modo fez esquecer toda a luta entre as forças russas e da Nato que operavam na Ucrânia de maneira especial a partir de 2014 altura em que as forças ligadas à NATO fizeram o presidente ucraniano pró rússia fugir!

  6. Notícias como esta são surpreendentes para a maioria dos cidadãos. Prevalecem informações que favorecem uma determinada corrente de opinião e é difícil para muitos de nós compreender o que está por detrás dos factos todos os dias noticiados. Muitos escandalizam-se quando ouvem vozes discordantes. Declarações e atitudes como as do Papa Francisco, assim como os seus textos tão esclarecedores, ajudarão certamente a alterar o modo de pensar de muita gente.

  7. Mafalda Freitas Pereira, bem visto! De uma maneira geral as pessoas andam amarradas às trelas da TV como os cãezinhos às trelas dee seus donos! Certamente que não houve época nenhuma em que as populações estivessem tão formatadas e dependentes como hoje!

  8. Infelizmente nem a própria Igreja nos faz propaganda desse bem que é feito por abnegados cristãos.
    Amigo obrigado pelo seu relato, um forte abraço.

  9. Tomas Gomes, parte do clero tem andado a sonhar com os anjinhos e esquecem-se que eles e os crentes é que são as mãos de deus. Muitos passaram a viver como patrões; em vez de irem ter às casas do povo, continuam a esperar que o povo é que se dirija a eles! Conztudo, igreja é todo o cristão.

  10. Normanda Raposo, importaria, mas se soubéssemos mais não seríamos tão dependentes de quem nos transmite informação e pretende fazer de nós meros espectadores, prontos a engolir tudo o que é dito sem se perguntarem porque é dito e com que finalidade é dito ou mostrado!

  11. Parte do clero aqui parece quererem ser cantores da música que vai bem no ouvido e sentimento.das BRASILEIRAS. Incluindo na vestimenta dos cantores sertanejos . Como essa música dá muito dinheiro , a ostentação é enorme e muito exagerada .

  12. Obrigada pelos esclarecimentos q faz sobre o sacrifício calado que os religiosos fazem em prol de quem tanto precisa. Um grande abraço e um bom dia Lia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.