RONALDO É O MELHOR EMBAIXADOR DE PORTUGAL

Contrato de 200 milhões com o Al-Nassr da Arábia Saudita

Cristiano Ronaldo (37 anos), ainda sem clube, irá provavelmente para o clube Al-Nassr da Arábia Saudita. Segundo relatos dos meios de comunicação social (“Marca”), Ronaldo está a negociar um acordo no valor de 200 milhões por temporada num contrato feito por dois anos.

Certamente será um bom negócio porque onde o campeão Ronaldo está presencializa-se o mundo que o cerca. Após a separação amigável do Manchester United, o clube Al-Nassr pode assim contratar uma transferência gratuita do campeão europeu de 2016 (1).

No novo clube, Cristiano não se sentirá sozinho porque Al-Nassr tem contrato também com o treinador francês Rudi Garcia, com o brasileiro Luiz Gustavo (35 anos, ex-jogador do Bayern Munique) e com o colombiano David Ospina (34 anos).

Ronaldo é o único homem do Mundo com mais de 500 milhões de seguidores e isto conseguido por um homem vindo de uma família humilde num país de 10 milhões de habitantes e oriundo da ilha da Madeira com 250 mil residentes. Mostras que com trabalho e disciplina também é possível subir numa sociedade desumanamente concorrente e que é escandalosamente pródiga na gratificação de alguns dos seus servidores. Também o balúrdio  de dinheiro em jogo no Futebol é testemunho do desequilíbrio que há na política e na sociedade.

Ronaldo depois da Liga das Nações contra a Espanha (0:1) e a sua frustração com o lançamento da braçadeira de capitão ao chão foi muito criticado. Apesar disto Ronaldo com a equipa mostra trabalho excelente.

Ronaldo não ligues aos que só falam da tua sombra quando o que ficará será o brilho da tua luz! Também os que te criticam vivem do que escrevem sobre ti.

António da Cunha Duarte Justo

Pegadas do Tempo,

(1) Portugal escreve História no futebol https://bomdia.eu/portugal-escreve-historia-no-futebol/

Areia nos Olhos: https://bomdia.eu/alemanha/areia-nos-olhos/

No Qatar também as mulheres são Bolas de Jogo: https://redactormz.com/tag/antonio-da-cunha-duarte-justo/

FALTOU UM RONALDO À ALEMANHA…: https://abemdanacao.blogs.sapo.pt/faltou-um-ronaldo-a-alemanha-1678108

Eusébio é voz do povo a esperar: https://macua.blogs.com/moambique_para_todos/2014/01/eus%C3%A9bio-%C3%A9-voz-do-povo-a-esperar.html

Equipa alemã campeã da solidariedade: https://www.triplov.com/letras/Antonio-Justo/2014/alemanha.htm

O jogo é uma parábola da vida: https://bomdia.eu/o-jogo-e-uma-parabola-da-vida/

 

 

 

Social:
Pin Share

Social:

Publicado por

António da Cunha Duarte Justo

Actividades jornalísticas em foque: análise social, ética, política e religiosa

18 comentários em “RONALDO É O MELHOR EMBAIXADOR DE PORTUGAL”

  1. Belo elogio ao trabalho, esforço e perseverança de Ronaldo. Assim fossem incentivados todos os que se esforçam no seu trabalho. Bastaria ouvir
    “não ligues aos que só falam da tua sombra quando o que ficará será o brilho da tua luz”.
    Bem Haja!

  2. Deixando o Ronaldo de lado,este texto é mesquinho. Rebaixa o povo português. O povo português não é lixo ,lixo é quem denigre um povo. Pior cingir um povo a uma só figura é de facto não ter amor próprio.
    FB

  3. Fomos apurados! É motivo de orgulho e devemos ser gratos à Equipa e a Cristiano Ronaldo. Faz mais sozinho por Portugal como português que uns quantas milhares juntos.
    Força ✌❤

  4. Estamos no caminho certo
    Indivíduos que se lambuzam com milhares de milhoes dizem que ajudam os mais necessitados e os jumentos acreditam

  5. Eu sou professor (aposentado) mas tenho de dizer isto porque é como professor que considero Ronaldo e a ronaldolatria generalizada, um péssimo exemplo para a juventude: a egolatria, o novo riquismo mais boçal e confrangedoramente óbvio e agressivo, a má educação, o «peseterismo» … Eu sei que não é popular dizer e pensar assim mas eu também nunca me preocupei em ser popular…

  6. Carlos António Carvalho Acabado, tem toda a razão no que refere. O que me motivou a escrever o artigo foi verificar uma crítica generalizada na opinião pública ao Ronaldo jogador e não à conduta da pessoa e nesse sentido procurei dar relevo a outros aspectos do desportista..

  7. António Cunha Duarte Justo, tem toda a razão, se me permite que assim diga. O Ronaldo jogador foi magnífico; o problema é a pessoa Ronaldo. Ou, se calhar, nem tanto ele como os patetas que lhe desculparam tudo ao longo dos anos conferindo à sua egomaníaca obsessão uma espécie de imunidade ou de impunidade por avença que agora explodiu de vez quando o Ronaldo-jogador em declínio e o Ronaldo-pessoa se desencontraram por completo. Eu fico chocado (Moro entre uma escola do antigo Ciclo e uma outra primária) quando vejo miúdos a jogar à bola no pátio e a saltar como o seu ídolo ou, melhor dizendo, como macaquinhos de imitação. Hoje são os saltos e os guinchos histéricos (o tal siiiiiiiiiii!) amanhã as exigências, as manias e os caprichos muitas vezes insustentáveis e conducentes a situações dramáticas de endividamento e ruína… e, ao longo destes anos todos, houve sempre quem optasse por fechar os olhos à imoderação dos comportamentos indecorosos da personagem (comprar um relógio Bugatti por um milhão de euros para condizer com o Bugatti carro de muitos milhões, num país onde há quem tenha trabalhado toda a vida e acabe recebendo pensões de trezentos e poucos euros é pura pornografia social e cívica!) Durante anos critiquei condutas do senhor e fui atacado e acusado de ter é inveja ou fazê-lo por… benfiquismo…. Caramba! Ser bom futebolista não confere im(p)unidade por atacado! Sendo, volto a dizer, Cristiano Ronaldo é hoje-por-hoje, como sempre foi, de resto, um péssimo exemplo para a miudagem com o espírito e a personalidade ainda em formação…. E fico profundamente triste e sinto vergonha de “lá fora” sermos como país conhecidos não por uma Paula Rego, um José Saramago, um Eça de Queiroz, um Herberto Helder mas por um fulaninho acéfalo e bêbado de vaidade que dá uns pontapés numa bola… Carlos António Carvalho Acabado

  8. Carlos António Carvalho Acabado , o que diz é confirmado em grande parte pelo jogo de hoje entre a Suiça e Portugal em que Portugal marcou 6 golos e a Suiça tendo Ronaldo entrado no final do jogo. Penso porém que o povo português tem muitos recursos e muitas pessoas valiosas e a sociedade tem diferentes estratificações com diferentes necessidades que é óbvio serem respeitadas; uma sociedade é tanto mais rica quanto mais satisfação poderá oferecer aos diferentes grupos e tendências politico-culturais de que é composta. Facto, é que Portugal aparece nos jornais de todo o mundo devido ao desempenho de Ronaldo com a ajuda dos outros jogadores. O que se conhece e reconhece é o desempenho e a arte do jogo e isso é que é posto na balança de um mundo mais voltado para exterioridades do que para interioridades e infelizmente a vida individual passa a não interessar muito em termos de mercado. Nos meus muitos anos de vida no estrangeiro tenho notado que a marca portuguesa que impressiona as pessoas no estrangeiro é a cordialidade portuguesa e o futebol. Através deste muitos ficam pelo menos a saber onde fica Portugal e informam-se sobre este povo que embora pequeno marca presença no mundo! De resto quanto à língua fala-se mais do Brasil devido às relações comerciais dos países com o Brasil. O aspecto que refere de Portugal ser pouco conhecido pelo seu aspecto rico em arte e cultura deve-se ao facto de Portugal ser um país pequeno e os outros países também terem personalidades relevantes de que falam porque cada qual puxa a brasa para a sua sardinha e tem naturalmente arte e cultura também de alta qualidade. Dado encontrarmo-nos num mundo que é como é e não como deveria ser, acho importante Portugal estar contente por ter a nível mundial uma personalidade que com a sua equipa torna Portugal presente no mundo. As deficiências que cada um tem não devem servir para encobrir a riqueza que tem. As deficiências e injustiças de um lado não nos legitimam a olhar só para o lado negativo do outro. Os erros de pessoas tornam-se insignificantes se integrados e comparados com os erros e injustiças de instituições e políticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *