REFERENDO EUTANÁSIA

SOU PELO REFERENDO SOBRE A EUTANÁSIA

De facto, os deputados não nos representam quando está em jogo um valor inalienável como é a vida.
A vida não é sequer referendável, mas nesta situação é a nossa única saída e a nossa esperança! A vida não deve ser posta em causa em nome de direitos culturais.
Infelizmente ainda há pouca informação e muito desconhecimento quanto à medicina paliativa e suas potencialidades! O direito a decidir sobre a vida pessoal é do foro individual não devendo ser colocado à disposição de influências ou de interesses , veenham eles de ideologias ou de instituições!

António da Cunha Duarte Justo

Social:

Social:

Publicado por

António da Cunha Duarte Justo

Actividades jornalísticas em foque: análise social, ética, política e religiosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *