CONDENAÇÃO DE KARADZIC À PENA MÁXIMA

O tribunal da ONU em Haia, num recurso, agravou o veredito de pena de 40 anos para pena perpétua,  contra o antigo líder sérvio bósnio Radovan Karadzic, acusado de genocídio na guerr civil entre bósnios (muçulmanos) e sérvios (ortodoxos).

Radovan Karadzic é responsável por terríveis crimes de guerra tendo sidos colocados na sua conta o massacre de 8.000 muçulmanos em Srebrenica em 1995.

O nacionalismo sérvio de um lado e o nacionalismo albanês do outro (sonho de uma Grande Albânia, incluindo partes da República de Skopje, Montenegro e Grécia) queriam legitimar as barbaridades de um e outro lado.

O Ocidente interviu na antiga Jugoslávia, uma guerra que, no seu conjunto, terá feito 100.000 mortos.É pena não se falar também das evacuações de populações e  da destruição da ex-juguslavia.

Ninguém lembra a intervenção também criminosa da NATO contra a República Federal da Sérvia, cuja intervenção constituiu uma grave violação do direito internacional. Há 20 anos (24.3.199 começou o bombardeamento da Nato que durou 78 dias, tendo sido objectos de bombardeamento também instalação civis, entre as quais clínicas.Muitas coisas não têm piada!

A História é feita sempre pela Narrativa dos vencedores e o povo é a tela onde ela se escreve!

António da Cunha Duarte Justo

Pegadas do Tempo

Social:

Social:

Publicado por

António da Cunha Duarte Justo

Actividades jornalísticas em foque: análise social, ética, política e religiosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *