ALEMANHA QUER CADA CASA COM TELHADO SOLAR!

Fomento da Energia fotovoltaica em Favor do Clima

Na cidade de Waiblingen (Baden Wurtenberg, Alemanha) com 55.000 habitantes, os telhados solares têm sido obrigatórios, para novos edifícios residenciais na área urbana, desde 2006.

Agora o governo do Estado Baden-Wuerttemberg quer que todas as casas novas sejam equipadas com sistemas de energia solar, a partir de 1 de Maio de 2022 e as casas sujeitas a “renovação fundamental do telhado” até 2023.

Em Hamburgo e Berlim, os sistemas já são obrigatórios. A obrigação é de instalar um sistema solar no telhado para água quente ou para a produção de electricidade solar.

O presidente da Baviera, Söder (CSU), quer ver esta prática obrigatória a nível nacional.

Exemplo do fomento da energia fotovoltaica na Alemanha (1):

Tamanho do Sistema: 7 kWp; Custos do sistema PV entre 9.000 e 11.000€ ; Custos do sistema PV + Armazenamento: entre 14.000 e 21.000€.

Tamanaho do sistema 10 kWp; Custos do sistema PV entre 12.500€ e 15.000€ ; Custos do sistema PV + Armazenamento: entre 20.000€ – 27.000€. Com uma produção total do sistema de pico de 10 quilowatts, este sistema gera entre 10600 e 13.750 quilowatts-hora de eletricidade anualmente.

(Com 1 kWp, podem ser gerados cerca de 1.000 kWh de electricidade solar por ano, exigindo cerca de 7 a 10 m2 de espaço no telhado).

O Estado disponibiliza subsídios ao investimento para a energia fotovoltaica num máximo de 250 euros por kWp para uma dimensão de sistema até 100 kWp e um máximo de 200 euros por kWp para uma dimensão de sistema superior a 100 kWp e até 500 kWp.

Prevê-se que os investimentos se amortizem num espaço de e10 anos.

António da Cunha Duarte Justo

Pegadas do Tempo

 

  • (1) https://www.google.com/search?client=firefox-b-d&q=Solaranlagen+f%C3%BCr+neuh%C3%A4user+in+deutschland

 

 

 

Social:

Social:

Publicado por

António da Cunha Duarte Justo

Actividades jornalísticas em foque: análise social, ética, política e religiosa

4 comentários em “ALEMANHA QUER CADA CASA COM TELHADO SOLAR!”

  1. Já há três anos que tenho dois painéis fotovoltaicos no telhado do 2º. andar da minha pequena moradia. Só faltam mesmo os pequenos moinhos de vento para serem colocados no meu jardim de 10 x 15 metros. Depois poderia produzir energia barata para os meus vizinhos. Sem concorrências com as Grande Produtoras. Há uma outra forma de produzir energia eólica para implantação em pequenos jardins. Uma ideia que ganha forma.

  2. O amigo é um bom exemplo a seguir! Muitas vezes há medo de se fazerem investimentos por falta de informação especialmente em relação a cálculos entre o investimento e o lucro. Políticos responsáveis deveriam fomentar economicamente as instalações fotovoltaicas e eólicas. Deste modo estariam a contribuir para uma certa democratização da energia e a impedir que empresas multinacionais explorem os seus concidadãos.

  3. Muito obrigado e muito assertivas as suas deduções sobre a democratização da energia. Completamente de acordo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *