300 EUROS DE APOIO PARA BENEFICIÁRIOS DE PENSÕES

Desobriga dos Governantes desleais à Europa?

O Parlamento alemão decidiu uma lei que determina pagar uma prestação única de 300€, até 15 de Dezembro, a todos os reformados, devido aos elevados preços da energia.

Mais de 20 milhões de reformados irão beneficiar do pagamento. Os 300 euros serão automaticamente transferidos para a conta pelos serviços de pagamento de pensões. Esta medida custará ao Estado 6,4 mil milhões de euros.

Qualquer pessoa que a 1 de Dezembro de 2022 seja abrangido pelo direito a uma pensão de velhice, ou de redução da capacidade de ganho ou de sobrevivência ao abrigo do regime legal de seguro de pensão ou que receba pagamentos de pensão ao abrigo da Lei das Pensões dos Funcionários Públicos ou Soldados, tem direito ao dinheiro.

Há também autarquias que ajudam todo o cidadão concedendo-lhe uma ajuda para compensar um pouco o encarecimento dos custos de energia. Assim, por exemplo, a cidade de Kassel concede a cada habitante da cidade 75 euros.

O parlamento alemão aprovou também o endividamento de 200 mil milhões de euros para serem sobretudo aplicados em medidas destinadas a abrandar o encarecimento dos combustíveis. Esta medida isolada em termos europeus pode ser interpretada como mais uma afirmação da Alemanha no sentido do poder anglo-saxónico!

Também em Portugal os cúmplices da crise económica querem que o povo receba em espécie de óvulo de desobriga: 125 euros.

” Com papas e bolos se enganam os tolos”. Criaram a pobre situação em que estamos metidos e ainda enganam o cidadão como se fossem eles os bonzinhos a dar a esmola a um povo mantido de braço estendido!

Estas e medidas semelhantes resumem-se a trabalhos de reparação numa casa velha que não querem reconstruir!

Por toda a Europa se começam a ouvir sinos com toque a finados, mas Europa continua como Bela Adormecida no sonho americano enquanto os seus cangalheiros se divertem consigo mesmos e com os timoneiros do poder mundial!

António da Cunha Duarte Justo

Pregadas do Tempo

Texto em alemão em https://antoniojusto.wordpress.com/

 

Social:
Pin Share

Social:

Publicado por

António da Cunha Duarte Justo

Actividades jornalísticas em foque: análise social, ética, política e religiosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *