A INFLAÇÃO É O MEIO USADO PARA TORNAR OS POBRES MAIS POBRES E OS SUPER-RICOS AINDA MAIS RICOS

 

Lagarde, presidente do Banco Central Europeu, (10.07) pronunciou-se a favor da meta de inflação inicialmente “abaixo de dois por cento”, por um período limitado de taxas de inflação “moderadamente” acima dessa meta. Até mesmo a linguagem usada indica que Lagarde nos está a conduzir em logro.

Iremos, certamente, assistir a um aumento de inflação como maneira de indirectamente democratizar a pobreza! A população europeia que se vá preparando para maus tempos!

A desigualdade e a concorrência são os factores em que assentam as civilizações orientadas pelo crescimento contínuo do produto interno bruto (económico). A ideologia do progresso desenfreado para alguns é feita à custa dos muitos!

“A inflação é uma redistribuição de baixo para cima e como tal altamente antissocial”, confessam até peritos liberais.

Quem beneficia com a taxa de inflação são países altamente endividados, empresários que têm forte poder de mercado podendo aplicar preços mais altos e quem possui ativos reais (imóbeis, etc.). Para aposentados, pobres e poupadores, a inflação é um veneno.

António CD Justo

Pegadas do Tempo
Social:
Pin Share

Social:

Publicado por

António da Cunha Duarte Justo

Actividades jornalísticas em foque: análise social, ética, política e religiosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *