Arquivos Mensais: Dezembro 2008

Mensagem de Natal ao Governo e a Portugal

Votos dos Portugueses da DiásporaAntonio JustoAgradecemos e retribuímos a vossa mensagem de Natal e os votos nela formulados. Fazemo-lo não apenas com palavras eufemistas torcidas mas concretizamo-los também com o envio das nossas remessas diárias de 8 milhões de euros … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | 3 Comentários

Natal Tempo Alto – Tempo de ser Presépio

Feliz Natal e um Ano Novo mais humano António JustoNo Natal não há que estafar a razão contra o coração. Quem bem vive da “razão” tem razões para desprezar o “coração”. Porém já Pascal dizia que o coração tem razões … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | Deixe o seu comentário

N A T A L 2 0 0 8

E tu, que gostavas de ter como prenda de natal?António Justo “Que gostavas de ter como prenda de natal?” – pergunta a mãe viúva ao filho triste que aperta nas mãos uma moldura com o retrato do pai. “ Gostava … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | 4 Comentários

DIREITOS HUMANOS – DIREITOS INDIVIDUAIS EM PERIGO

António JustoNo princípio a natureza dominava sobre o Homem. Mais tarde domina a instituição também. Por fim dá-se a inter-relação equilibrada entre indivíduo e instituição ou cultura. Depois da segunda guerra mundial, perante a deslegitimação moral das instituições, surge a … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | 2 Comentários

SÓCRATES PASSA UMA RASTEIRA A CAVACO SILVA

O Povo é Vítima duma Opinião eleitoralista transmitida pela TVAntónio JustoAproxima-se o ano das eleições. O primeiro-ministro Sócrates já tem algumas na manga para passar rasteiras ao Presidente da República. Uma delas é a atribuição de competências ao Presidente da … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | Deixe o seu comentário